etnografia não é método

Inicio por um lugar comum: como todos sabemos, a etnografia é a ideia-mãe da antropologia, ou seja, não há antropologia sem pesquisa empírica. A empiria – eventos, acontecimentos, palavras, textos, cheiros, sabores, tudo que nos afeta os sentidos –, é o material que analisamos e que, para nós, não são apenas dados coletados, mas questionamentos, fonte de renovação. Não são “fatos sociais”, mas “fatos etnográficos”, como nos alertou Evans-Pritchard em 1950. Essa empiria que nos caracteriza, aos olhos de alguns cientistas sociais pode ser uma desvantagem, se não uma impropriedade; penso, especialmente, nos sociólogos de ontem (e talvez nos de hoje também). Para os antropólogos, no entanto, é nosso chão. 

Texto completo em livre acesso:

PEIRANO, Mariza. Etnografia não é método. Horiz. antropol. [online]. 2014, vol.20, n.42, pp. 377-391. ISSN 0104-7183.

etnografia não é método etnografia não é método Reviewed by davy sales on 15:21:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.