editorial aba gestão 2011-2012

I Dos objetivos

O projeto editorial da Associação Brasileira de Antropologia (ABA) busca estimular a produção e publicação de livros eletrônicos, no Portal da ABA, como também a publicação de impressos, ambos com a chancela da ABA (ISBN) e/ou em parcerias com editoras acadêmicas e comerciais. As propostas deverão ser apresentadas em conformidade com as linhas temáticas definidas como prioritárias da atual gestão (2011-2012) e os critérios assim nomeados:

 

0.1) Temáticas que reflitam o atual quadro de GTs e de Comissões Especiais da ABA. Caso a proposta seja aceita pelo Conselho Editorial, os interessados deverão mobilizar recursos financeiros com seus respectivos programas de pós-graduação e/ou órgãos de fomento;

1.1) Série (ABA-PPGA’s) destinada à publicação de associados, vinculados aos Programas de Pós-Graduação em Antropologia (dissertações, teses, trabalhos de docentes etc). Os programas interessados deverão encaminhar à Diretoria o material selecionado para publicação e se comprometerem a contribuir com recursos financeiros;

1.2) Produção intelectual que resulte de pesquisas (PROCAD e outros congêneres), financiados por agências de fomento, de modo que os interessados disponham de recursos financeiros para a publicação digital ou impressa;

1.3) Temas prioritários definidos pela atual gestão e que resultem de reuniões, simpósios e outros meios de divulgação da produção do conhecimento antropológico no Brasil e no exterior, realizados pela Presidência e/ou Diretoria e Conselho Diretor da ABA;

1.4) Criação de série direcionada ao mercado, composta por livros didáticos e para-didáticos com o objetivo de atender demandas dos novos cursos de graduação em antropologia e cursos afins, e/ou demandas especiais de intervenção antropológica, que sejam do interesse de órgãos públicos federais, estaduais ou municipais, contando com seus respectivos financiamentos;

1.5) Criação de coleção especial (livros eletrônicos) destinada à tradução e publicação de livros antropológicos sobre o Brasil, realizados pelos assim chamados “Brazilianistas”, pesquisadores estrangeiros com o patrocínio de agências de fomento nacionais e internacionais.

 

II. Dos critérios e prioridades

 

As demandas dos associados não poderão ser viabilizadas por meio de chamada ou edital público no Portal da ABA. As propostas deverão ser encaminhadas à Comissão do Projeto Editorial da ABA que, posteriormente, as remeterão à apreciação do Conselho Editorial, sendo cada uma delas analisadas de acordo com os critérios e prioridades assim nomeados:

 

0.2) Todas as propostas serão analisadas pelo Conselho Editorial e encaminhadas para pareceristas externos e, caso aprovadas, serão submetidas ao referendo da Diretoria;

2.1) O Conselho Editorial reserva-se o direito de submeter a estes critérios e a pareceristas por ele indicados mesmo aquelas obras que já tenham recebido pareceres favoráveis ou recomendações para publicação por parte de outras entidades;

2.2) O Conselho Editorial estabelecerá o número de obras que serão recebidas em cada semestre, de acordo com sua disponibilidade de recursos e de pessoal. Integralizado este número, as demais propostas deverão ser apresentadas no semestre seguinte;

2.3) Priorizar-se-ão publicações que tenham financiamento de órgãos de fomento federais, estaduais e internacionais, assim como dos Programas de Pós-graduação em Antropologia;

2.4) Também serão priorizadas publicações oriundas de PROCAD e de outros programas congêneres que não podem ser comercializadas, mas distribuídas entre os sócios adimplentes da ABA;

2.5) Não serão aceitos anais, revistas, livros de resumos ou outras obras resultantes de eventos realizados por Programas de Pós-Graduação, Grupos de Trabalho ou outras iniciativas afins;

2.8) O Conselho Editorial só disponibilizará o selo ABA e ISBN para obras que tenham atendido a estes critérios preliminares e recebido aprovação de pareceristas por ela indicados, independentemente de que o proponente tenha recursos institucionais para a publicação.

 

III. Publicação e distribuição

 

0.3) Quando se tratar de impressos, A ABA reserva-se o direito de ofertar e contratar os serviços de uma ou mais editoras universitárias e/ou privadas para as suas publicações;

3.1) A depender do caso, as publicações serão distribuídas e vendidas no mercado pelas editoras contratadas, cabendo à ABA um percentual sobre o lucro da venda;

3.2) As publicações terão o selo ABA junto ao da editora contratada, quando comercializada e distribuída por livreiros;

3.3) Em caso de interesse da ABA, as editoras destinarão um determinado número de exemplares (a ser firmado em contrato) que poderão ser vendidos a preço especial e/ou distribuídos entre os associados adimplentes;

3.4) No caso de publicações financiadas por órgãos de fomento, a ABA poderá contratar serviços de impressão gráfica para ela própria distribuir os livros;

3.5) No caso de publicações impressas que não possam ser comercializadas, a ABA poderá contratar apenas serviços de gráfica e fazer a distribuição da impressão entre os associados;

3.6) Em qualquer das hipóteses (E-Books ou impressos) as publicações deverão seguir um padrão de design gráfico previamente definido pelo Conselho Editorial, no intuito de preservar um estilo e identidade visual do projeto;

5.7) A padronização e construção de um estilo visual objetivam criar unidade para o conjunto de obras, evitando que os autores aleatoriamente concebam capas, assim como interfiram no processo de diagramação;

5.8) A utilização de imagens, assim como o uso da policromia, serão previamente analisados pelo Conselho Editorial, que levará em consideração a qualidade digital das imagens e os custos de impressão;

5.9) A variação de design como decisão do Conselho Editorial poderá ser aplicada apenas para realçar diferenças entre séries e coleções.

 

Comissão Editorial

Coordenador Antonio Motta (UFPE)

Cornélia Eckert (UFRGS)

Igor José Renó Machado (UFSCAR)

Peter Fry (pesquisador senior CNPq)

editorial aba gestão 2011-2012 editorial aba gestão 2011-2012 Reviewed by davy sales on 15:57:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.