a dor da tese

Doenças, operações, perdas afetivas são seguidamente invocadas como elementos de "atraso" nas demandas por mais prazo na elaboração da tese. Partindo da constatação de que há um "sintoma" recorrente na finalização dos trabalhos acadêmicos — que chamo de "dor da tese" —, reflito neste texto sobre o processo de criação do texto acadêmico, e sobre o papel do/a orientador/a nesse processo.

artigo da antropóloga (UFSC) Miriam Pillar Grossi: leia aqui

a dor da tese a dor da tese Reviewed by davy sales on 03:04:00 Rating: 5

Um comentário:

  1. super interesse esse artigo, e é necessário que se leve avante essa discução doas prazos da CAPES, para uma melhor qualidade da produção cientifica aqui no Brasil, e começar a se construir outra relação com o conhecimento que não seja essa de resultados imediatos que soa bastante economicista

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.